Trecobox
Sua caixa de conteúdo Geek

O Senhor dos Anéis: Estúdio queria matar um hobbit

Peter Jackson não concordou

0

O estúdio queria matar um hobbit na trilogia O Senhor dos Anéis, dirigida por Peter Jackson. A informação foi revelada pelos atores Dominic Monaghan e Billy Boyd, que interpretaram Merry e Pippin respectivamente.

Conversando com o IGN, os atores afirmaram que a Warner Bros. desejava que um dos hobbits morressem, tentando fazer com que o diretor dos filmes aceitasse a ideia.

Estúdio queria matar um hobbit

Enquanto estúdio queria matar um hobbit, Peter Jackson mostrava ter a vontade de seguir o que estava escrito nos livros, deixando os personagens vivos. Porém, segundo os atores, a Warner Bros. pressionou o diretor para seguir um caminho diferente nos filmes, tentando fazer com que um dos nomes amados pelo público terminasse a trilogia sem vida.

No fim das contas, Peter Jackson não cedeu e o pedido do estúdio não foi aceito. Dominic Monaghan, que interpretou Merry, afirmou ter ficado feliz com a escolha do diretor, dizendo que caso um dos hobbits morresse, este hobbit seria o seu personagem.

“Ainda bem que isso não aconteceu, porque teria acontecido comigo. Com certeza teria sido. Eles nunca poderiam matar Frodo ou Sam, então sobrariam Merry e Pippin. Eles não mataria Pippin porque ele tem uma história forte com Gandalf. Definitivamente, teria sido eu. Eu acho que Peter disse: ‘Este é uma obra incrível, e precisamos nos ater ao texto original’. Então, ele manteve a sua posição. E eu fico muito feliz que isso não aconteceu”

Baseada nos livros de Tolkien, a trilogia de O Senhor dos Anéis pode ser conferida pelos fãs no HBO Max.

Gostou da notícia?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre filmesséries e muito mais!
Imagem: Reprodução

Comentários do Facebook

- Publicidade -

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.