Zack Snyder revela observações feitas por estúdio em Liga da Justiça: “As pessoas querem filmes mais divertidos”

Warner Bros pediu mudanças no longa-metragem

Zack Snyder é um dos diretores mais polêmicos dos últimos anos, tendo ganhado destaque na indústria cinematográfica devido a todos seus problemas com a Warner Bros. Por volta de 2017, para aqueles que não estão familiarizados, o cineasta estava trabalhando em Liga da Justiça, quando teve que deixar o longa-metragem inesperadamente devido ao suícidio de sua filha, e consequentemente foi demitido pelo estúdio mais tarde.

Agora, anos depois, ele retornou a HBO Max em 2021 para levar Liga da Justiça de Zack Snyder ao público, trazendo sua visão verdadeira para o projeto que foi assumido por Joss Whedon. No entanto, em novas declarações, o cineasta revela que o filme, originalmente, era ainda mais sombrio. Entenda mais abaixo! 

VEJA MAIS:

Zack Snyder
Reprodução: Portal do Nerd

Estúdio queria Liga da Justiça com mais leveza, afirma Zack Snyder

Sentando para conversar com Anthony e Joe Russo no Pizza Film School nesta última terça-feira, 18 de abril, Zack Snyder abriu o jogo sobre seu tempo na Warner Bros, onde ele foi o visionário responsável pelo famoso “Snyderverse”, sua visão para o universo da DC Comics no cinema

Falando sobre Liga da Justiça, um dos mais polêmicos filmes de sua carreira, o cineasta abriu o jogo e explicou que a Warner Bros pediu para que o filme fosse reescrito de maneira mais leve. Essa decisão, segundo Snyder, veio após a péssima recepção da crítica a Batman Vs Superman: A Origem da Justiça

Ele explicou: “Vou ser honesto, […] o que aconteceu com ‘Liga da Justiça’ é que […] o roteiro original era muito mais sombrio e estranho. E então quando ‘Batman v Superman: A Origem da Justiça’ saiu, o estúdio ficou tipo, ‘ Não é engraçado o suficiente. As pessoas querem filmes mais engraçados. Eles querem coisas engraçadas nele.’ Então, nós voltamos e iluminamos o filme, em geral.”

Abaixo, você pode conferir a entrevista completa (em inglês). 

Certamente, a tonalidade dos filmes de Zack Snyder na DC Comics foram algumas das críticas que o cineasta mais recebeu, tanto que, após sair do comando de Liga da Justiça, ele foi substituído por Joss Whedon, o diretor responsável por Vingadores (2012) e Vingadores: A Era de Ultron (2015). 

Saída de Zack Snyder de Liga da Justiça foi notável

Liga da Justiça de Zack Snyder é a versão do diretor mais próxima que veremos a chegar ao público, tanto que, ainda assim não sendo a versão inicial do longa-metragem, ela foi bastante aclamada pelos fãs. Na época, até mesmo a crítica elogiou a visão do cineasta para o projeto, visto que ele é um tanto quanto diferente do filme que chegou aos cinemas em 2017.  

Liga da Justiça, que na época teve Joss Whedon sob seu comando após a demissão de Snyder, sofreu grandes mudanças perante diversas refilmagens. Não apenas isso, mas a mudança de visão e mudança de tom do filme foram notáveis, o que adicionou diversos momentos com bastante humor, similar ao que vemos na Marvel Studios.

Apesar dos filmes de Snyder da DC não terem sido universalmente amados, a fusão de seu trabalho com o de Whedon resultou em um filme confuso na Liga da Justiça de 2017, com as diferenças tonais entre os dois diretores claramente evidentes no filme.

Confira o trailer de Liga da Justiça de Zack Snyder, recente filme do cineasta

No Brasil, Liga da Justiça de Zack Snyder está disponível para visualização através da HBO Max.