Siga-nos também em

Filmes

What Did You Eat Yesterday? | Manga BL ganha filme live-action em 2021

What Did You Eat Yesterday? | Manga BL ganha filme live-action em 2021

 

Elenco e equipe retornam para seus papéis novamente nesse divertido live-action sobre casal gay e comida!

 

Foi anunciado nesta sexta (27) pela TV Tokyo, que o mangá de Fumi Yoshinaga, What Did You Eat Yesterday? (Kino Nani Tabeta?) terá mais uma adaptação em live-action, dessa vez como filme, com estreia para 2021.

Além disso, os atores, Seiyo Uchino e Hideotshi Nishijima irão retornar aos seus respectivos papéis para essa adaptação como Kenji Yabuki e Shiro Kakei.

 

 

Capas do segundo e terceiro volume da versão em inglês, retratam o casal e os pratos que estão desfrutando.

 

A equipe de produção também retornará, contando com Kazuhito Nakae na direção e Naoko Adachi como roteirista. Outros membros que fazem parte desse “slice of life” são os atores, Koji Yamamoto, Hayato Isomura, Makita Sports, Misako Tanaka e Meiko Kaji com seus respectivos papéis como, Daisaku Kohinata, Wataru Inoue, Hiroshi Miyake, Kayoko Tominaga e Hisae Kakei.

 

O mangá está sendo lançado em inglês pela Vertical e conta com a seguinte descrição:

 

Um casal trabalhador gay de meia-idade em Tóquio vem para desfrutar dos melhores momentos da vida através da comida. Após dias de trabalho, seja no escritório de advocacia ou no salão de beleza, Shiro e Kenji sempre terão tempo juntos na mesa do jantar, onde eles podem discutir sobre seus problemas, expor seus sentimentos e aprociar delicadamente suas refeições caseiras!

 

O começo

O mangá What Did You Eat Yesterday? começou a ser lançado pela autora Yoshinada na revista Morning, da Kodansha, em 2007. Sua produção continua na ativa, com seu 16º volume publicado no final de dezembro do ano passado. A versão em inglês teve seu 14º volume publicado pela Kodansha Comics dia 27 de março.

Sendo assim, a história vem com uma narrativa mais focada no dia a dia do casal, algo que condiz bem com o jeito de retratação humana da autora. Isso rendeu indicações para alguns prêmios na época, sendo a série indicada para o primeiro Manga Taisho Awards (Cartoon Grand Prize) em 2008, quando recebeu uma recomendação do júri no 13º Japan Media Arts Festival Awards, em 2009.

Também ficou ranqueado na lista do “Livro do Ano” da revista de notícias e mangás Da Vinci, da Kadokawa Media Factory, em 2014 e 2016. Não parando por aí, em 2019 foi novamente nomeado para a categoria General Manga no 43º Premiação Anual da Kodansha Manga.

 

Capa da verão em inglês do premiado mangá Antique Bakery.

 

A série live-action estreou em abril do ano passado, onde seus 12 episódios foram transmitidos pela TV Tokyo na programação noturna “Drama 24”, que passa às sextas-feiras, sendo liberados também pela Netflix no Japão. Um especial para televisão foi ao ar no dia 1º de janeiro.

 

Vale a pena lembrar de outro sucesso bastante conhecido da autora, que é Antique Bakery, uma obra premiada mais antiga, lançada entre 1999 a 2002, que obteve produções de dramas em 2001, também com uma versão de filme coreano e de anime em 2008.

 

Fica a dica de leitura para quem gosta de histórias de relacionamento mais maduro, onde o entorno de tudo é, claro, a comida! Não deixe de comentar!

 

Comentários via Facebook

Graduada em Arquitetura & Urbanismo, aficionada pelo universo da cultura japonesa, fujoushi convicta, colecionadora de action figures e apreciadora de um bom e velho rock'n roll. \m/

Mais lidas