Siga-nos também em

Quadrinhos

Social Comics lança série de mini documentários sobre quadrinhos brasileiros

Social Comics lança série de mini documentários sobre quadrinhos brasileiros

 

O episódio piloto será divulgado no próximo sábado (30/01), Dia do Quadrinho Nacional, no canal do YouTube e Facebook do Social Comics. Mauricio de Sousa, Jal, Vitor Cafaggi, Franco de Rosa, Cris Peter, Alexandre de Maio, Carlos Ruas, Lilian Mitsunaga e vários outros artistas estão entre os participantes

 

No próximo Dia do Quadrinho Nacional (30/1), a plataforma de quadrinhos digitais Social Comics lançará o piloto de uma série de mini documentários que irão homenagear a nona arte brasileira. Apresentados por Vinicius, do canal do YouTube 2quadrinhos, os episódios contam com participação de mais de 20 artistas e buscam ressaltar a importância da valorização da nossa cultura.

Artistas de todas as regiões do Brasil deram depoimentos para o mini documentário que será divulgado, às 14h deste sábado, no canal do YouTube e no Facebook do Social Comics. Entre os assuntos comentados, estão a história dos quadrinhos no país, memória afetiva, o início da carreira, os cenários independente e digital, o viés social e as etapas de produção de uma HQ.

 

Carlos Ruas.

Nomes de várias gerações fazem parte do projeto, como Mauricio de Sousa, José Alberto Lovetro (Jal), Franco de Rosa, Lilian Mitsunaga, Alexandre de Maio, Carlos Ruas, Vitor Cafaggi, Camilo Solano, Guilherme de Sousa, Cris Peter e o estreante Cacá Gontijo, de 12 anos, que está em processo de escrita de seu primeiro quadrinho, em parceria com a Eleven Dragons.

 

Lilian Mitsunaga.

Sâmela Hidalgo, idealizadora do projeto social Norte em Quadrinhos, e Jonatas Varela, do Prateleira de Quadrinhos, também foram entrevistados. A primeira iniciativa tem como objetivo dar visibilidade aos quadrinistas da região Norte e ser uma ponte entre eles, editoras e leitores. Já a outra amplia o acesso da periferia de São Paulo à cultura, levando a nona arte para a população da Zona Leste por meio de uma kombi apelidada de Kuandrombi. Além disso, no fanzine Xablau, publicado desde 2016, a causa dá espaço para que os participantes das ações possam publicar suas HQS e desenhos.

A principal motivação do Social Comics é levar, por meio da plataforma digital, publicações diversas e de qualidade ao maior número de pessoas. E esse projeto é uma oportunidade especial para mostrar aos leitores o grande universo de conteúdos produzidos no Brasil, celebrando e reforçando ainda mais a importância de valorizar a nossa cultura e as infinitas possibilidades que ela oferece.

Dia do Quadrinho Nacional

A data comemorativa se refere ao dia em que o primeiro quadrinho nacional (considerado por alguns estudiosos como a primeira HQ da história), As Aventuras de Nhô-Quim ou Impressões de uma Viagem à Corte, de Angelo Agostini, foi publicado em 1869. Ela pode ser lida no Social Comics, intitulada como As Aventuras de Nhô-Quim & Zé Caipora, uma publicação autorizada em parceria com a editora do Senado Federal.

 

Comentários via Facebook

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas