Siga-nos também em

Filmes

Review TBX | O Recepcionista: Trama com Tye Sheridan encanta mas decepciona

Review TBX | O Recepcionista: Trama com Tye Sheridan encanta mas decepciona

Confira a crítica de ‘O Recepcionista’

 

Atualmente ranqueado com um dos “top 10” da Netflix, o filme O Recepcionista chamou atenção pela trama envolvente, trazendo elementos típicos de um longa perspicaz: personagens cativantes, um elenco de peso, um argumento provocativo e fascinante.

 

 

Mas parece que faltam ingredientes na nova trama estrelada por Tye Sheridan e nós explicamos o porquê. Entenda a seguir.

 

 

Dirigido e escrito por Michael Cristofer, The Night Clerk, conhecido no Brasil como O Recepcionista, traz o drama policial envolvendo um jovem com síndrome de Asperger que presencia um assassinato em um quarto de hotel através das câmeras que monitora.

Precipitadamente, ao tentar ajudar, se torna o principal suspeito. A partir desse momento, ele deverá tomar cuidado redobrado para provar a sua inocência e com as pessoas que se envolve.

 

 

Pontos negativos superam…

Com a receita pronta para prender a atenção do espectador, o filme sofre mutações no decorrer dos atos, passando por suspense, drama policial, romance e até pitada de elementos cômicos. No entanto, esse detalhe passaria despercebido e ofuscado pela rica interpretação dos atores, se não fosse a falta de verossimilhança que fica evidente no longa.

O detetive Espada, interpretado por John Leguizamo, pouco toma atitudes ou averigua com exatidão os fatos que parecem óbvios a sua frente. Comete falhas primárias como interrogar o suspeito informalmente e ser excessivamente pacífico com o desenrolar do mistério.

Tye Sheridan e Ana de Armas, carregam o filme nas costas com o romance improvável da hóspede Andrea Rivera e o rapaz autista Bart Bromley. E o que é positivo se torna negativo quando acabamos por nos desviar da trama principal, para torcer pelo casal “perigoso”.

 

 

A cereja do bolo, ou do fim dele, está na conclusão pretenciosa e mal realizada, que, caso você ainda não tenha visto o filme, fica o aviso de SPOILER.

Com poucas informações, o último ato requer atenção e exige mais interpretação do espectador do que deveria ser necessário. Ao disparar a arma que Andrea propositalmente deixou no quarto de Bart, ficamos na dúvida se o personagem morreu, fugiu, como fugiu e como foi o desfecho de todos com quem o protagonista se relacionou no fim da trama.

 

 

Apesar de confuso, é possível ver em poucos frames, que o disparo foi dado em um de seus monitores, que curiosamente ele fugiu pela porta que direciona para dentro de sua casa, e que, os principais responsáveis pelo crime, são presos pela polícia. No entanto, com ritmo acelerado, é preciso ficar com olhos atentos ou rever mais de uma vez para entender o fechamento, no mínimo desrespeitoso com o público.

O resultado não foi menos do que uma reprovação por grande parte da crítica especializada. No Rotten Tomatoes, por exemplo, conta com apenas 36% de favorabilidade.

 

 

Por isso, ao considerar assistir o título e entender mais a respeito, vá com cautela.

Serve bem como entretenimento.

 

Filme: O Recepcionista
8.4 TRECOBOX
HISTÓRIA9
ELENCO9
DESENVOLVIMENTO7
PRODUÇÃO9
ORIGINALIDADE8

 

Comentários via Facebook

Radialista formado se especializando em direção de arte. Sagitariano, sonhador levando a vida buscando paz, amor e um lugar ao Sol. Cinéfilo, aspirante a roteirista. Aquele otaku paulistano que vê animes nas horas vagas, lê mangás no transporte público e faz cosplays pra tirar uma onda. Geek por consequência. Sucesso é uma jornada, não um destino, tenha fé na sua capacidade, esse é meu lema.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas