Trecobox
Sua caixa de conteúdo Geek

Nintendo processa sites de ROMs em US$ 12 milhões por pirataria

Alvos do processo são os donos dos sites LoveRetro e LoveROMS

 

Nesta quarta-feira (14) chegou ao fim a disputa judicial entre a Nintendo e os donos dos sites LoveROMS e LoveRETRO. O casal responsável pelos domínios aceitou um acordo com a companhia e deverão desembolsar mais de US$ 12 milhões. O processo em questão refere-se à quebra dos direitos autorais e de distribuição dos títulos da Big N. Caso não houvesse acordo e a Nintendo obtivesse uma vitória no tribunal, o montante poderia chegar aos US$ 100 milhões.

 

Nintendo processa sites de ROMs em US$ 12 milhões por pirataria
Página extinta do LoveROMS.com

 

Vale lembrar que os ROMs são cópias virtuais de games, muitas vezes antigos, para consoles e emuladores. Nos últimos tempos a Nintendo tem feito uma campanha agressiva contra a distribuição não autorizada de seus títulos na internet.

Além de pagar o montante decidio pela justiça, o casal também precisará entregar todo material que seja propriedade intelectual da empresa. Por determinação legal, ambos os sites (LoveROMS e LoveRETRO) passam ainda a ser propriedade da Nintendo. Ao tentar acessar algum desses sites, o usuário verá a seguinte mensagem:

 

“Nosso site […] ofereceu anteriormente e realizou cópias não autorizadas de jogos da Nintendo, em violação dos direitos autorais e marcas registradas. LoveROMS.com/LoveRetro.co reconhece que causou danos à Nintendo, seus parceiros e clientes, oferecendo cópias ilegais de jogos e concordou em cessar todas essas atividades.”

 

O processo fez ainda com que outros sites famosos de ROMs e emuladores também removessem seus conteúdos da internet, como foi o caso do clássico EmuParadise. E você, o que achou dessa história toda? Não deixe de comentar aqui embaixo!

Comentários via Facebook

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.