História de amor é o verdadeiro remédio para a alma – Prepare-se para se encantar!

Martin Freeman e Morena Baccarin emocionam em apaixonante drama!

0

Para curar suas dores, essa BELÍSSIMA história de amor vai lhe emocionar!

O amor, sem dúvidas, é um dos sentimentos mais belos que o ser humano pode sentir, atravessando as barreiras de tempo, distância e saúde. E é claro, assistir a filmes que mostrem histórias do gênero é sempre uma opção bem vinda, e por isso o Trecobox tem uma excelente indicação para você nesta semana, lhe apresentando a uma história de amor única em comédia dramática

Já disponível para streaming no Brasil, nossa indicação de hoje apresenta você a Charlie, um homem com cataplexia, uma condição que causa desmaios ao experienciar uma forte emoção, que tenta se aventurar pelo amor. E se você ficou curioso e está interessado em saber mais sobre a obra, basta continuar lendo para conhecê-la melhor!

História de Amor
Reprodução: The Movie Database

LEIA MAIS:

SUCESSO PREMIADO! Descubra o dorama romântico que está conquistando prêmios e corações na Netflix

SENSAÇÃO MUNDIAL! Descubra por que 200 milhões de corações estão derretendo com romance imperdível da Netflix

Conheça “É Culpa da Alegria”, comédia dramática com belíssima história de amor

Para você se emocionar, gargalhar e acreditar no amor novamente, nossa maior indicação da semana vai para o aclamado “É Culpa da Alegria”, um longa-metragem de drama e comédia. O título estreou em 2019 e tem origem no Reino Unido, com duração de 1h 37min e classificação indicativa de 14 anos. 

O filme conta a história de Charlie, um homem que sofre de uma condição médica rara chamada cataplexia, que o faz desmaiar sempre que experimenta forte emoção, especialmente alegria.

A trama se desenrola quando Charlie se apaixona por Francesca, uma mulher extrovertida e otimista, o que complica sua condição, já que o amor e a alegria que ela desperta nele causam episódios frequentes de cataplexia. A luta de Charlie para equilibrar seu desejo por um relacionamento amoroso com sua condição médica única é o cerne do enredo, gerando situações cômicas e emocionais ao longo do filme.

Abaixo, você pode conferir o trailer oficial de “É Culpa da Alegria”.

É Culpa da Alegria” é baseado em uma história de amor real que foi escrita por Chris Higgins para o This American Life em 2010, durante seu episódio “I’ve Fallen in Love and I Can’t Get Up”. Segundo o cineasta responsável pelo filme, a ideia de contar essa história nos cinemas surgiu oito anos antes do filme chegar aos cinemas, pouco tempo depois do sucesso do episódio. 

No Rotten Tomatoes, “É Culpa da Alegria” tem 48% de aprovação da crítica, com base em 31 avaliações. Além dos especialistas, o título é tem 66% de aprovação pelo público. 

Martin Freeman e Jason Winer são responsáveis pela bela história de amor de “É Culpa da Alegria”

Em “É Culpa da Alegria”, a bela história de amor é contada por Martin Freeman (“O Hobbit: Uma Jornada Inesperada”), Morena Baccarin (“Homeland – Segurança Nacional”), Jake Lacy (“Uma Obsessão Desconhecida”) e Jane Curtin (“Nosso Amigo Extraordinário”), que compõem o elenco principal e dão vida à Charlie, Francesca, Cooper e Sylvia, respectivamente. 

Melissa Rauch (“The Big Bang Theory”), Shannon Woodward (“The Last of Us: Part II”), Hayes MacArthur (“Feliz Natal e Tal”) e Ellis Rubin (“O Rei do Show”) assumem os papéis de Bethany, Liza, Jordan e Victor, completando os nomes presentes no filme. 

O roteiro do filme é assinado por Max Werner (“Pequeno Problema, Mega Confusão”), com direção de Jason Winer (“Meu Papai (Ainda) é Noel”). A produção é da Mosaic Media e Small Dog Picture Company

História de Amor
Reprodução: The Verde Independent

Vale a pena assistir “É Culpa da Alegria”?

Assistir a “É Culpa da Alegria” pode depender muito do seu gosto pessoal e do tipo de filmes que você geralmente aprecia. Se você gosta de comédias românticas que exploram temas de superação pessoal, relacionamentos e aceitação, pode valer a pena dar uma chance ao filme.

No entanto, é importante ter em mente que a recepção do filme foi mista, com críticas sobre a execução da história de amor e o aproveitamento total da premissa interessante da cataplexia. Assim, se você não é fã de comédias românticas que possam ser consideradas um pouco previsíveis ou se prefere filmes que exploram de forma mais profunda os temas abordados, talvez este não seja o filme ideal para você.

No Brasil, “É Culpa da Alegria” está disponível no Prime Video

Comentários do Facebook