Siga-nos também em

Games

Gran Turismo | Entrevista exclusiva com ePiloto italiano Giorgio Mangano

Gran Turismo | Entrevista exclusiva com ePiloto italiano Giorgio Mangano

Como se diria na Itália: Bravo!

 

A Final Europeia da Gran Turismo Nations Cup, campeonato oficial da PlayStation, foi espetacular. Nessa matéria vocês conhecerão um dos protagonista de diversos momentos de deixar o queixo caído. Embora o título de campeão tenha ficado como o também talentoso Mikail Hizal, Giorgio Mangano não decepcionou a Itália. Ele atualmente faz parte da equipe virtual da Williams, assim como Igor Fraga. A equipe inglesa, bem conhecida pelas suas inovações nos carros de competição da Fórmula 1, começou a apostar no eSports e Automobilismo Virtual.

 

Gran Turismo | Entrevista exclusiva com ePiloto italiano Giorgio Mangano

 

Exemplo de determinação e talento nas pistas

Mangano, já na corrida do Bloco A, mostrou um desempenho sensacional e por muito pouco não se classificou para corrida final já naquela corrida. Foi por muito pouco mesmo, a diferença para o segundo colocado foi de apenas 0.288s.

 

Então veio a corrida de repescagem! E o circuito Red Bull Ring testemunhou uma corrida espetacular! Como somente dois pilotos iriam conseguir uma segunda chance de seguir para a próxima etapa, a disputa pelo 1° lugar foi bem acirrada. Para se ter uma ideia, na quinta volta 4 pilotos ficaram emparelhados na disputa do primeiro lugar. Por fim, Giorgio Mangano, conseguiu a classificação para final mundial.

 

No dia seguinte, na primeira corrida da final europeia, o nome da vez foi o de Giorgio Mangano. Apesar de ter derrapado logo na primeira volta, indo para a última posição, fez um espetáculo a parte. Em grande parte dos takes da transmissão ele estava pilotando brilhantemente. Contudo, seu momento de protagonismo máximo foi na última volta, onde, após disputar com o pelotão entre a 3ª e 6ª posições, conseguiu alcançar o segundo colocado e levou o segundo lugar no pódio. Sua jornada fez com que a conquista do seu 2° lugar ofuscasse um pouco a vitória de Mikail Hizal.

 

Gran Turismo | Entrevista exclusiva com ePiloto italiano Giorgio Mangano

 

Confira agora a entrevista cedida por Giorgio Mangano com exclusividade para a Trecobox:

Como foi o seu processo de treinamento para as Finais Europeias da Nations Cup?

Eu treinava de 2-3h por dia e tentava não focar em apenas um carro ou pista. Além disso, eu tentava não ficar tão focado, senão poderia ficar cansado e não ter uma boa performance nas pistas.

Como você lidou com a pressão durante as corridas? Na primeira corrida do Bloco A por exemplo, você lutou intensamente pela classificação. O mesmo ato ocorreu de forma ainda mais intensa na repescagem, assim como nas corridas da finais. Como lidou com os todos esses momentos intensos durantes as corridas?

eu tentei me manter focado e me imaginei correndo em casa, isso me ajudou a não sentir tanto a pressão. Claro que ela estava lá o tempo todo, mas tentei ao máximo me acalmar.

Qual foi o momento mais difícil durante as finais?

O momento mais difícil durante as final foi quando o volante teve um pequeno problema, o que fez a direção girar completamente para uma direção, o que fez o carro quase girar na pista me colocando na ultima posição. Naquele momento eu tive de ser mais forte que nunca e consegui terminar a corrida em segundo lugar.

 

Gran Turismo | Entrevista exclusiva com ePiloto italiano Giorgio Mangano

 

Algumas equipe de Fórmula 1 estão investindo no eSport, como é fazer parte da equipe Williams e como se sente como parte dessa inovação?

Fazer parte da Williams me deixa tão feliz e conhecendo a história incrível que ela tem no automobilismo me deixa esperançoso que um dia meu maior sonho se torne real: Ser um piloto nas pista na vida real. Assim, essa inovação promovida pelas equipes de Fórmula 1 é uma grande oportunidade de encontrar grandes talento que possam ajudar no futuro do automobilismo.

Qual seria o seu carro dos sonhos?

Meu carro dos sonhos seria o Alfa Romeo Giulia GTAm, mas eu também amo o pequeno Peugeot 106 Rallye e o Porsche Cayman GT4.

Como se sente representando a Itália na final mundial de Gran Turismo?

Representar a Itália no Final Mundial de FIA GT me deixa tão orgulhoso e confiante, pois sei que os italianos que jogam GT são tão apaixonado por automobilismo e Sim races. Então eu tenho certeza que eles estarão contando comigo e torcendo por mim.

 

Falta menos de uma semana para a Final Mundial de Gran Turismo. Fiquem ligados na Trecobox! Traremos todas as informações desse super evento para vocês.

 

Comentários via Facebook

Um geólogo nascido no Rio. Apaixonado por filmes, séries, videogame. Produtor de stories no Instagram. curioso pra caramba. Não sei muito bem o que tô fazendo aqui, me convidaram porque devo ser legal, nunca saberei.

Mais lidas