Siga-nos também em

Games

Final Fantasy XV | Diretor sai da Square Enix e DLCs são canceladas

Final Fantasy XV | Diretor sai da Square Enix e DLCs são canceladas

 

Diretor do game Final Fantasy XV explica razão por trás de sua saída da empresa e motivo pelo cancelamento das DLCs

 

O ex-desenvolvedor de Final Fantasy XVHajime Tabata, tirou um tempo para falar sobre a Square Enix, sobre o game e seu novo empreendimento, a JP Games, Inc. durante entrevista para o site Nico.

 

Final Fantasy XV | Diretor sai da Square Enix e DLCs são canceladas

 

O site destacou alguns dos melhores desenvolvedores da indústria de games japonesa, incluindo o escritor de DanganronpaKazutaka Kodaka, da Too Kyo Games, o produtor Saito Yosuke de Dragon Quest XI e NieR Automata, o presidente Hiroshi Matsuyama da CyberConnect2 e, claro, o presidente da JP Games, Inc.Hajime Tabata.

 

A decisão de sair da Square Enix

Quando Tabata decidiu deixar a Square Enix houve uma discussão sobre quem iria suceder o projeto FFXV e seu desenvolvimento. No final foi decidido que as futuras DLCs do game seriam canceladas.

Tabata se apressou em dizer que pessoalmente estava desapontado com os cancelamentos e que sentia muito pelos fãs que estavam ansiosos por eles.

O presidente da CyberConnect2Hiroshi Matsuyama, que estava ao lado de Tabata, disse que, como um fã de FFXV, gostaria que o mesmo finalizasse o desenvolvimento dos futuros conteúdos antes de sair da empresa. Tabata respondeu que, embora ele não pudesse levar o projeto até o fim, achou que o trabalho que a equipe realizou foi bom.

Ele também mencionou que decidiu sair da Square Enix porque não estava tão motivado no que estava fazendo, não queria se mostrar problemático e nem atrasar o grupo de desenvolvimento.

Novamente pediu desculpas, afirmando estar arrependido por não conseguir finalizar as DLCs de Final Fantasy XV, mas assegurou aos fãs que a sua saída da empresa não estava relacionado ao game ou à DLC. Ainda assim confirmou que ele e a Square Enix terminaram seu relacionamento de forma pacífica.

 

Final Fantasy XV | Diretor sai da Square Enix e DLCs são canceladas

 

Tabata no comando do JP Games, Inc. e seus futuros projetos

O processo de contratação para a nova empresa está indo bem, já conseguindo contratar diversos funcionários. Tabata também mencionou que irá aumentar esse número, mas que eles irão continuar com um grupo pequeno por enquanto. A JP Games, Inc. é auto financiada e não recebeu nenhum investimento externo.

O desenvolvedor chegou a cogitar a ideia em produzir um game AAA independente de outras companhias de games. Ele diz Já possuir ideias para alguns deles, mas não pode revelá-los ainda. Como as plataformas sempre preocupam os fãs, Tabata quer que seus jogos sejam feitos para várias plataformas, contando também com PC e smartphones.

 

Final Fantasy XV | Diretor sai da Square Enix e DLCs são canceladas

 

Pela própria experiência ao desenvolver FFXV, ele mencionou diversas lutas na criação de games, como ter que criar estúdios satélites em regiões como o Vietnã e Malásia devido a escassez de mão-de-obra em estações ocupadas. As dificuldades para ampliar esses estúdios devido aos altos investimentos e preocupações de segurança para os PCs de ponta serem usados para tal. E que a mudança de todo o processo para a nuvem simplificou bastante todo o trabalho, algo já cogitado para o futuro.

Tabata mencionou também que quer evoluir fazendo games semelhantes a este exemplo e que, mesmo querendo criar em larga escala, é muito provável que não contrate muitos desenvolvedores em um único lugar.

Não é de hoje que muitos fãs acabam prejudicados por decisões internas das empresas. Mas ficamos na torcida por eventuais mudanças de decisões com relação aos DLC e que a JP Games, Inc. tenha muito sucesso! E você? O que achou desses acontecimentos? Não deixe de comentar!

 

Comentários via Facebook

Graduada em Arquitetura & Urbanismo, aficionada pelo universo da cultura japonesa, fujoushi convicta, colecionadora de action figures e apreciadora de um bom e velho rock'n roll. \m/

Mais lidas