Feriado Sangrento: conheça o novo filme de terror slasher que vai PERTURBAR o seu sono!

O novo filme de Eli Roth, "Feriado Sangrento", tem uma história envolvente com personagens memoráveis e uma trama assustadora

0

Prepare-se para um banho de sangue com “Feriado Sangrento”, o mais recente filme de terror slasher que promete tirar o seu sono. Criado pelo renomado Eli Roth, conhecido por seu talento em criar histórias horripilantes, este filme começou como um mero trailer intitulado “Thanksgiving”.

Originalmente parte de “Grindhouse”, uma colaboração entre Quentin Tarantino e Robert Rodriguez, o projeto evoluiu de uma prévia para um longa-metragem completo. “Feriado Sangrento” não é apenas um filme de terror; é uma obra-prima que se destaca entre clássicos como “Dia dos Namorados Macabro” e “Halloween”. Roth, com sua habilidade única, tece uma narrativa que integra perfeitamente o Dia de Ação de Graças em uma história repleta de violência e terror.

Filme trás sequências perturbadoras

Este filme não é apenas uma coleção de referências a outros grandes do gênero, como “Pânico” e “Halloween”. Roth, um fã dedicado do terror, traz originalidade com sequências perturbadoras, especialmente uma envolvendo um forno. Ele brinca habilmente com clichês do gênero, como o assassino mascarado e o mistério em torno de sua identidade, criando uma experiência única para os fãs de terror. “Feriado Sangrento” é um verdadeiro banquete para aqueles que apreciam uma boa dose de loucura e sustos.

A trama envolvente de “Feriado Sangrento”

A história começa na véspera do Dia de Ação de Graças, se estendendo até a Black Friday, um período conhecido pela loucura das compras nos Estados Unidos. O enredo gira em torno de um grupo de adolescentes que se aventuram na Right Mart, uma loja de departamentos.

Entre eles estão Evan, o valentão, sua namorada Gabby, interpretada por Addison Rae, e a protagonista Jessica, filha do dono da loja. O que começa como uma noite de aventura rapidamente se transforma em um pesadelo, quando a multidão enfurecida invade a loja, desencadeando uma série de eventos trágicos.

A narrativa se desenrola com uma série de mortes chocantes, culminando na aparição de um assassino vestido de peregrino, que começa a caçar os responsáveis pelo caos. Roth utiliza elementos típicos do Dia de Ação de Graças, como peru e molho de cranberry, de maneiras criativas e horripilantes. O assassino, John Carver, é uma figura de vingança, trazendo uma nova dimensão ao terror com suas ações brutais e inventivas.

Veja mais: Nova temporada da MELHOR comédia romântica natalina chega à Netflix nesta semana!

Personagens memoráveis e dinâmica refrescante

Além da violência extrema, que justifica a classificação indicativa de 18 anos, “Feriado Sangrento” se destaca pela construção de seus personagens. Cada um é suficientemente memorável para se destacar, refletindo a cultura jovem e a dinâmica de Massachusetts. Roth dá agência aos personagens, permitindo que eles busquem respostas e não sejam apenas vítimas indefesas. A utilização de linguagem e redes sociais adiciona um toque de realismo, criando um mundo onde o terror de John Carver se torna ainda mais palpável.

Embora o roteiro tenha suas falhas, especialmente na transição para o confronto final, a direção de Roth e a química entre os atores mantêm o filme envolvente. A revelação do assassino pode não ser surpreendente para os espectadores mais atentos, mas oferece um final digno para Jessica, interpretada brilhantemente por Nell Verlaque. A atriz se destaca como uma excelente “final girl”, mantendo o interesse do público até o fim.

“Feriado Sangrento” é mais do que um filme de terror; é uma adição significativa ao gênero slasher, com potencial para se tornar um clássico revisitado anualmente pelos fãs. Mesmo que o Dia de Ação de Graças não seja amplamente celebrado no Brasil, este filme oferece um novo motivo para os amantes do terror se sentirem gratos.

Veja mais: Confirmado! Homem-Aranha Noir ganhará série live-action; veja aqui TUDO o que se sabe!

Imgem: Divulgação/Sony Pictures

Comentários do Facebook