Dança em Fortnite: Youtuber processa Epic Games por plágio

Fortnite sob julgamento

0

“É Complicado”: Epic Games enfrenta processo por plágio em Fortnite

A Epic Games, desenvolvedora de Fortnite, enfrenta um novo processo judicial movido por Kyle Hanagami, youtuber e coreógrafo renomado, alegando que a dança do emote “É Complicado” é um plágio de sua coreografia “The Realest”. Descubra os detalhes desta polêmica batalha legal e as implicações para a indústria de games.
fortnite
Imagem: reprodução/ Canal Tech
LEIA MAIS:

O caso

Kyle Hanagami entrou com uma ação judicial acusando a Epic Games de plágio por usar sua coreografia sem permissão no emote “É Complicado” de Fortnite, lançado em 2020.

A reivindicação de Hanagami

O youtuber exige a remoção da dança do jogo e busca uma indenização por danos compensatórios pelo período em que o emote esteve disponível em Fortnite. O valor da indenização não foi especificado.

Histórico da Epic Games com direitos autorais

Esta não é a primeira vez que a Epic Games enfrenta processos por uso indevido de propriedade intelectual. Hanagami, no entanto, possui registro oficial de sua coreografia, fortalecendo sua posição na disputa judicial.

Resposta da Epic Games

Até o momento, a Epic Games não emitiu uma declaração oficial sobre o processo.

Debate sobre direitos autorais na indústria de games

O caso de Hanagami reacende o debate sobre a necessidade de regulamentação e proteção dos direitos autorais na indústria de games. A falta de clareza legal sobre a apropriação de criações artísticas em jogos é um ponto crítico, e este processo pode influenciar futuras decisões no setor.

O processo como marco na indústria fortnite

Este processo contra a Epic Games marca um ponto crucial na luta por reconhecimento e proteção dos direitos autorais de coreógrafos e outros artistas no mundo dos games. O desfecho deste caso pode ter implicações significativas para a indústria, moldando o futuro da criação e uso de conteúdo digital.

fortnite
Imagem: reprodução/ Tudo Celular