Siga-nos também em

Curiosidades

Nova constelação Godzilla é apresentada pela NASA

Nova constelação Godzilla é apresentada pela NASA

 

O ícone da cultura pop japonesa Godzilla recebe homenagem da Nasa

 

Não é de hoje que o Japão é homenageado em diversos momentos ao redor do mundo inteiro. Dessa vez foi além do esperado! Nesta semana a NASA preparou uma grande homenagem a esse Kaiju ícone da cultura pop japonesa. Não é a toa que o rei dos monstros está se unindo com heróis como Hércules, Perceus e Órion como uma constelação.

 

Nova constelação Godzilla é apresentada pela NASA

Foto: NASA

Cientistas encontraram um local perfeito no espaço para Godzilla, baseado em seus próprios atributos. Consideraram seu famoso ataque de raios de calor e suas semelhanças com os buracos negros e dos raios gama das estrelas de nêutrons, quando colocadas entre outras constelações de raios-gama.

 

“Godzilla classifica-se como um dos monstros mais famosos do cinema e está entre os símbolos mais reconhecidos da cultura popular japonesa. No filme original de 1954, testes de armas nucleares perturbam o habitat oceânico profundo da criatura, e ela surge do mar para causar estragos no Japão”, explicou a NASA.

 

Nova constelação Godzilla é apresentada pela NASA

Foto: NASA

 

A vizinhança da nova constelação está cercada por ilustres ícones da cultura pop como, Starship Enterprise (Star Trek), TARDIS (Doctor Who), o Hulk entre outros.

Dentro da constelação Godzilla existem diversos possíveis blazares, uma galáxia starburst (galáxia que atravessa um processo intenso e contínuo de formação estelar), um pulsar de raios gama e um objeto desconhecido. Um blazar é um núcleo galáctico ativo que expele a energia em uma direção próxima à Terra, fazendo com que ela emita uma luz brilhante.

 

Nova constelação Godzilla é apresentada pela NASA

Gojira (1954)

 

A constelação Godzilla, e outras constelações de raios-gama, são mapeadas pela NASA através do telescópio Fermi Gamma-Ray Space. Fermi tem o papel fundamental na coleta de dados para estudar os buracos negros, a matéria que eles absorvem e a matéria que expelem a uma velocidade próxima a da luz. O potente telescópio está a ativa desde 11 de junho de 2008.

 

Sucesso absoluto desde sua estreia! Homenagem muito mais que merecida a esse ícone do cinema! Ideias para uma nova constelação? Deixe aqui nos comentários.

 

Comentários via Facebook

Graduada em Arquitetura & Urbanismo, aficionada pelo universo da cultura japonesa, fujoushi convicta, colecionadora de action figures e apreciadora de um bom e velho rock'n roll. \m/

Mais lidas