Carey Mulligan: conheça outros filmes com a atriz para ver na Netflix além de Maestro!

Carey Mulligan está em outras produções da Netflix, conheça quais são elas!

0

Carey Mulligan está no novo longa da Netflix

Essa novidade da Netflix já está chamando a atenção do público, o “Maestro” um longa com Bradley Cooper e Carey Mulligan mistura muita música com fotografia preto e branco e entrega uma cinebiografia incrível. O longa trata do artista Leonard Bernstein e foca em uma história de amor bem complicada. 

Carey Mulligan se destaca no filme com sua habilidosa atuação, o que fez muita gente querer assistir mais dos trabalhos dela. A atriz britânica tem 38 anos de idade e é muito experiente no mundo cinema, já que recebeu indicações significativas em sua carreira, como o Globo de Ouro, Oscar e BAFTA. 

Carey Mulligan e Bradley Cooper
Imagem: Divulgação/ Netflix

Leia mais: Dúvida compulsiva: minissérie VICIANTE da Netflix vai criar um dilema na sua cabeça!

Reviravoltas cativantes: dorama cheio de amor, intrigas e ganância é perfeito para maratonar!

Quais outros filmes de Carey Mulligan estão na Netflix? 

Se você como a maioria das pessoas ficou curioso para conhecer mais do trabalho de Carey Mulligan, veja quais são os filmes da atriz que estão disponíveis na plataforma: 

“Collateral” (2018)

“Collateral” é um thriller britânico de 2018 que se destaca pela atuação magnífica de Carey Mulligan. No filme, ela interpreta Karen, uma mulher cuja vida entra em colapso após o assassinato de seu marido. A trama meticulosamente construída revela as complexidades emocionais de Karen enquanto ela busca justiça. A atuação de Mulligan é cativante, transmitindo a dor, a raiva e a determinação de sua personagem de maneira visceral. Sua presença magnética contribui para a intensidade do filme, proporcionando uma experiência cinematográfica memorável.

“Bela Vingança” (2020)

Esse longa metragem destaca Carey Mulligan em um papel provocante e inovador. Interpretando Cassie, uma mulher em busca de vingança contra aqueles que prejudicaram sua amiga, Mulligan oferece uma performance arrebatadora. Assim, através da personagem de Cassie, a atriz desafia estereótipos e examina questões sociais pertinentes. Sua atuação é uma mistura perfeita de vulnerabilidade e tenacidade, proporcionando uma experiência cinematográfica impactante e provocativa. A habilidade de Mulligan em equilibrar o humor negro com a seriedade do tema é fundamental para o sucesso do filme.

“A Escavação” (2021)

Em “A Escavação”, Carey Mulligan assume o papel de Edith Pretty, uma viúva rica que desencadeia uma escavação arqueológica que revela importantes descobertas históricas. Mulligan traz uma elegância e profundidade emocional à personagem, destacando a conexão de Edith com o passado e seu desejo de compreender o significado da vida. Sua atuação é fundamental para transmitir as nuances da trama, explorando temas como amor, perda e a busca por conhecimento. Mulligan oferece uma interpretação sutil e poderosa, complementando a beleza poética e a narrativa envolvente de “A Escavação”.

Sobre “Maestro”

Como dito antes, o longa é uma cinebiografia de Leonard Bernstein, que trata não só de música mas também do amor que o maestro sente por sua esposa. Felicia Montealerge (Carey Mulligan) é o retrato perfeito de uma esposa fiel que age como uma bússola moral e afetiva para seu marido. A presença dessa personagem chama muita atenção no longa, Mulligan tem uma performance impecável que retrata a beleza antiga de Hollywood. Além desse elenco, um fato importante desse filme é que Cooper além de ser o protagonista, também foi diretor do longa, mostrando cada vez mais suas habilidades por trás das câmeras.  

Carey Mulligan e Bradley Cooper
Imagem: Divulgação/ Netflix

Outro fato que chama atenção é como a música, o amor e a família levam o espectador para uma experiência cinematográfica impressionante. A fotografia é marcada por constantes densos e pela luz natural, que é usada de maneira excepcional. 

Então, se você ainda não conhece o trabalho de Carey Mulligan como atriz, começar por “Maestro” é uma ótima opção. Conhecer Cooper como diretor em um longa marcante como esse também é uma ótima decisão. 

Imagem: Divulgação/ Netflix

Comentários do Facebook