Siga-nos também em

Filmes

Brinquedo Assassino | Diretor do reboot deseja fazer uma sequência

Brinquedo Assassino | Diretor do reboot deseja fazer uma sequência

 

Um segundo filme do reboot de Brinquedo Assassino está nos planos do diretor

 

Apesar de não ter sido um grande sucesso, o filme reboot da franquia Brinquedo Assassino (Child’s Play) ainda tem chances de ganhar uma sequência. Pelo menos é o que diz o diretor Lars Klevberg, que esboçou grande desejo de realizar um novo filme com o boneco. Klevberg declarou que há tudo para realizar uma sequência, mas que depende da MGM decidir se farão ou não.

 

Brinquedo Assassino | Diretor do reboot deseja fazer uma sequência

O diretor Lars Klevberg segurando dois bonecos nos bastidores do reboot de Brinquedo Assassino.

 

“Seria incrível reunir a equipe e os atores novamente para outro filme, mas a MGM precisa estar disposta para juntar as coisas e fazê-lo”, comentou Lars Klevberg em uma entrevista gravada para o seu IGTV.

 

Vale lembrar que a marca Child’s Play é de propriedade da MGM, a qual decidiu fazer o reboot da franquia com a Orion após discordâncias com o criador original. No entanto, o filme não foi um sucesso de bilheteria, mesmo arrecadando uma boa quantia (cerca de US$ 45 milhões). A recepção da crítica e do público também foi mista, havendo muitas comparações com o filme clássico dos anos 80.

 

Recentemente foi confirmado que Don Mancini, criador da franquia, vai lançar uma série que dará sequência aos 7 filmes originais. A produção foi batizada apenas como Chucky e tem estreia prevista para 2021 no canal americano Syfy. Sendo assim, por conta da série, há grandes chances da MGM desistir de continuar com o reboot nos cinemas.

 

Comentários via Facebook

Publicitário, cosplayer, gamer, otaku, viciado em séries e colecionador de action figures. Um mix de tudo o que um verdadeiro geek pode ser. Vivendo a vida intensamente a cada segundo, mantendo-se sempre antenado nas novidades desse incrível e expansivo universo. Um pernambucano de nascimento e paulista de coração.

Mais lidas