Agência reguladora norte-americana processa Microsoft para barrar compra da Activision Blizzard

Compra da Activision Blizzard pela Microsoft continua cercada de polêmicas

A compra da Activision Blizzard pela Microsoft continua cercada de problemas, após os problemas com a Sony a companhia norte-americana está sendo processada pela FTC nos EUA. A Federal Trade Commission, agência reguladora norte-americana, está alegando que a empresa do bilionário Bill Gates está praticando uma ação anticompetitiva com a compra da gigante dos games.

Desde o anúncio da compra da Activision Blizzard, a Microsoft vem sofrendo grande resistência de seus concorrentes e das agências do governo, mas segue otimista com o negócio.

Microsoft
Imagem: Hardware

Informação revela grande vantagem competitiva

Segundo informações publicadas pela The Verve, a Microsoft teria uma grande vantagens em relação a Nintendo e Sony, onde Holly Hedova, diretora da agência, escreveu no comunicado:

A Microsoft já demonstrou que pode e irá segurar conteúdo de seus rivais na indústria de games. Hoje, buscamos impedir que a Microsoft ganhe controle sob um estúdio independente de sucesso para atacar a competição em múltiplos mercados dinâmicos da indústria de games em rápido crescimento.

Lançamentos exclusivos reforçam problema que Microsoft poderá causar

Anteriormente, a Microsoft adquiriu a Bethesda Games Studios, onde a companhia já tinha sido muito criticada sobre sua expansão. Pouco tempo após o negócio ser fechado, a companhia anunciou que Starfield, The Elder Scrolls VI e Redfall seriam exclusivos para Windows e Xbox. Muito criticada após o anúncio, a Microsoft alegou que os títulos não eram jogos AAA, mas sim exclusivos médios em relação aos de suas concorrentes.

A Companhia tem certeza que o negócio será concretizado, inclusive fazendo um comunicado oficial através de Brad Smith, vice-presidente da companhia, confira:

 “Continuamos acreditando que esse acordo expandirá a competição e criará mais oportunidades para os gamers e para os desenvolvedores de games. Desde o início estamos comprometidos em responder às preocupações da concorrência, incluindo até oferecer concessões propostas pela FTC.

Ainda que acreditamos em dar uma chance à paz, temos completa confiança em nosso caso, e aceitamos a oportunidade de apresentar nosso lado na corte.”

Assista ao trailer de Call of Duty: Modern Warfare II, um dos jogos mais importantes da Activision Blizzard