Trecobox
Sua caixa de conteúdo Geek

3 Motivos para você conhecer Chainsaw Man

0

Ultimamente histórias que envolvem qualquer tipo de demônio têm crescido no meio dos mangás e animes. Pegue como exemplo Jujutsu Kaisen e Demon Slayer, são duas obras que tem como principais pilares, personagens inspirados nesses seres mitológicos que fazem parte do imaginário comum tanto no oriente como aqui no ocidente.

E Chainsaw Man também se apoia nesses seres para contar sua história. O mangá é uma obra do autor Fujimoto Tatsuki, que também é conhecido pela obra Fire Punch, teve sua primeira parte lançada entre dezembro de 2018 e dezembro 2020 com 97 capítulos.

Veja logo abaixo alguns motivos para você conhecer essa obra:

1. É uma história simples mas que te prende:

O universo apresentado em Chainsaw Man é inicialmente simples, um mundo onde os demônios nascem dos medos das pessoas e seu poder é equivalente ao tanto que as pessoas tem medo deles, ou seja, o demônio palhaço é mais forte do que o demônio lápis por exemplo. E nesse mundo que somos apresentados a Denji, um jovem de 16 anos que tem que pagar a dívida exorbitante que seu pai tinha com a máfia.

 

E entre as formas que o jovem rapaz encontra pra pagar essa dívida é caçar demônios, com ajuda de seu fiel companheiro Pochita, um demônio motosserra, Denji tenta sobreviver vivendo com pouco dinheiro, os dois vivem uma vida um tanto quanto precária, mas isso não impede de Denji sonhar com uma vida melhor para os dois.

E após um acontecimento Denji acaba se fundindo com Pochita e se torna um hibrido entre demônio e humano, e sua forma hibrida é chamada de Chainsaw Man. E após essa série de acontecimentos, Denji é resgatado por Makima que faz com que o protagonista se junte aos Caçadores de Demônio de Tóquio, onde somos apresentados a Aki Hayakawa e Power.

Os dois novos personagens formam o trio que geralmente é tão visto em animes e mangás shounen, vide Naruto com o time 7, e a partir disso que a história se aprofunda em seus conceitos e temática, mas isso é melhor você descobrir lendo a obra.

2. A arte é um diferencial para a obra:

Não tem como falar de mangás sem falarmos da arte deles, e em Chainsaw Man a arte é um show à parte nas obras. A arte de Fujimoto Tatsuki consegue trazer toda a abstração que os demônios e poderes de sua obra de um jeito que realmente prendem atenção e não deixam os quadros poluídos ou de uma forma que é difícil entender o que está acontecendo na cena.

Outro ponto importante da obra é o design dos personagens. Desde da versão hibrida do protagonista ao design dos demônio, meio-demônios e até mesmo o estilo de alguns humanos são um exemplo de como o autor realmente se preocupa em trazer personagens que são visualmente marcantes e que realmente fazem com que você tenha vontade de saber mais deles e querer se aprofundar em suas histórias.

Se você gosta de histórias com muito gore e cenas surrealistas, então Chainsaw Man é uma obra feita pra você. Assim como em Fire Punch, outra obra de Fujimoto Tatsuki, o design de toda a história tem uma marca muito própria, sendo muito difícil encontrar algo parecido dentro do universo de anime e mangás, sendo assim se você tem exigência com uma arte que consiga traduzir tudo que o autor quer apresentar, então pode entrar de cabeça nessa obra que não vai se arrepender.

3. Chainsaw Man mistura tantos gêneros, e mesmo assim não se perde:

Apesar de focar mais na ação e um pouco no horror, Chainsaw Man consegue trazer outros gêneros, como comédia e suspense. O autor consegue trazer em uma mesma obra, cenas de comédia que conseguem ser engraçadas e tirar um riso ou outro, um mistério que a cada vez que você descobre algo o mistério cresce e entrega mais perguntas do que respostas.

Chainsaw Man teve sua primeira parte lançada na Weekly Shōnen Jump, a revista é conhecida atualmente por abrigar em suas revistas mangás como One Piece, Boku no Hero: Academia,  Dr Stone, Black Clover e muito mais. E se você já leu ou assistiu os animes de qualquer uma dessas obras, você sabe muito bem qual é o estilo que essas obras tem em contar suas histórias. E Chainsaw Man se apoia em trazer alguns clichês comuns nessas obras, mas não se apoia nisso pra contar sua história.

Desde de ter um trio principal formado por Denji, Aki e Power, ou ter um mestre que usa métodos um tanto quanto inusitados para treinar os personagens, a obra de Fujimoto Tatsuki traz um pouco do que os fãs de mangás e animes de luta tanto gostam. Mas em contra partida Chainsaw Man é extremamente violento e não tem medo algum de mostrar cabeças decapitadas, membros arrancados e tripas voando em seus 97 capítulos.

É um ponto curioso comentar sobre a violência desse mangá, já que a Weekly Shōnen Jump é conhecida por ser uma revista voltada para o público infanto-juvenil, o que torna a presença de Chainsaw Man um ponto fora da curva dentro da grade de lançamentos da revista japonesa.  Mas como no Brasil o lançamento de mangás e outras obras asiáticas seguem uma forma diferente da feita no oriente, logo para que você acompanhe os lançamentos não existe essa separação entre os públicos alvos.

Bônus: Chainsaw Man vai ganhar um anime:

Quando um mangá faz muito sucesso já é esperado que uma adaptação em anime seja feita. E é justamente isso que aconteceu com Chainsaw Man, a adaptação será feita pelo estúdio MAPPA, entre os trabalhos recentes do estúdios estão a primeira temporada e o próximo filme de Jujutsu Kaisen, as duas partes da temporada final de Attack on Titan, além de outros animes como The God of High School e Dorohedoro.

Confira abaixo o trailer oficial do anime:

Então se você é uma pessoa que gosta de animes com excelentes cenas de lutas, é muito provável que o anime de Chainsaw Man vá te agradar, e porque não dá uma chance ao mangá?

Gostou do artigo?

Então, nos siga em nossas redes sociais como o Twitter, o Instagram e o Facebook. Assim, você poderá acompanhar todas as notícias sobre filmes, séries e muito mais!

Comentários do Facebook

- Publicidade -