Conectar-se com

Games

Araní | Confira o primeiro teaser de gameplay do jogo indie brasileiro

Publicado

Em

Araní | Confira o primeiro teaser de gameplay do jogo indie brasileiro

Araní será a jornada de uma guerreira em busca da salvação de seu povo

 

Araní, o game de ação no estilo Hack’n’Slash desenvolvido pelo estúdio pernambucano Diorama Digital, teve seu primeiro teaser de gameplay revelado. O jogo conta a história de uma guerreira que busca salvar seu povo de um poder mitológico antigo. Para tal, ela embarcará em uma jornada contra diversos inimigos poderosos. Pelo teaser abaixo já podemos perceber que o game estará repleto de combates frenéticos e muita ação. Confira o video:

 

 

Além de vermos alguns dos inimigos, somos apresentados também à provável dinâmica de combate do jogo. Tudo indica que Araní seguirá a linha de games famosos desse estilo, como Devil May Cry e God of War. No vídeo vemos a protagonista realizando vários combos e conectando golpes entre os inimigos.

Podemos ainda perceber os belíssimos gráficos e detalhes da ambientação, com florestas densas e muita natureza. Outro ponto que chama a atenção é a trilha sonora. As batalhas devem ocorrer ao som de muito rock com elementos de músicas indígenas.

 

Em tempo, Araní segue sem data de lançamento prevista. Sabe-se apenas que o game será lançado para as plataformas PlayStation 4, Xbox One e também para PC.

 

E vocês, também estão ansiosos para experimentar esse jogaço indie brasileiro? Não esqueçam de comentar aqui embaixo e compartilhar a notícia!

 

Comentários via Facebook

Tatuagens e jogos eletrônicos. Duas palavras definem perfeitamente este carioca que, por sinal, não faz a menor ideia de como escrever a própria bio. Um menino metodicamente organizado, prefere o aconchego do sofá e uma boa série a uma noitada com os amigos (mas não recusa o convite). O típico garoto gordinho e viciado em vídeo game que cresceu e se tornou um adulto nerd (ainda gordinho, por sinal).Voar, hospitais e quartos escuros são seus três grandes medos. Às vezes ele os enfrenta, às vezes não (se for um quarto escuro NO hospital, pode esquecer). Faz uso excessivo dos parênteses, pois adora expressar sua opinião sobre as coisas. Afinal, quem não?

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais lidas