Conectar-se com

Artigo

TBX Top 5 | 5 Filmes que foram banidos ou censurados

Publicado

Em

TBX Top 5 | 5 Filmes que foram banidos ou censurados

Filmes controversos que foram banidos ao redor do mundo

 

Todos sabemos que algumas obras cinematográficas têm a capacidade de mexer com os nossos sentimentos. Seja nos aterrorizando, chocando ou até mesmo inspirando, este é um fator que gera grande adimiração por parte dos fãs da sétima arte.

Entretanto, algumas vezes certas produções podem ser consideradas “fora do limite” do aceitável. Em muitos casos os motivos que levam à censura de um filme são óbvios: violência extrema, conteúdo extremísta ou sexual, e até incitação à práticas não-sociais.

Seja lá qual for o motivo, a nossa lista está pra lá de polêmica! O TBX Top 5 de hoje reuniu alguns filmes que foram considerados muito hardcore para a nossa sociedade atual. Obviamente, também separamos alguns casos bizarros de longas que foram banidos / censurados por uma determinada mentalidade ou ideologia. Confira abaixo:

 

5) Roar (1981)

Onde e quando foi banido / censurado: Nos Estados Unidos, em 2015.

Motivo: Abrindo a lista de hoje está uma produção cercada de polêmica e tragédias, chamada Roar. Dirigido, escrito e estrelado por Noel Marshall, o filme-documentário buscava passar uma mensagem de preservação animal. Na teoria era uma idéia interessante, porém com uma execução extremamente controversa. Para realizar as filmagens do longa, Noel e sua família (filha e esposa) decidiram ir morar no meio da vida selvagem. Acontece que nenhum dos animais presentes tinha qualquer tipo de treinamento, ou seja, eram animais puramente selvagens! O resultado foi “o filme mais perigoso já gravado”, com mais de 70 pessoas feridas ao longo de sua produção. Roar foi re-lançado nos Estados Unidos em 2015, com diversas cenas de ataques editadas. Porém, mesmo na versão censurada ainda é possível ter uma idéia da ferocidade dos animais.

 

 

4) Mulher-Maravilha (2017)

Onde e quando foi banido / censurado: No Líbano, Catar e Tunísia, em 2017.

Motivo: Acredite se quiser, o motivo que levou o filme a ser banido em alguns países do Oriente Médio foi a protagonista Gal Gadot. A atriz possui origem israelense, tendo servido inclusive nas Forças de Defesa de Israel por dois anos como instrutora de combate. Uma vez que as relações diplomáticas entre Israel e os países acima podem ser consideradas bem “instáveis”, o filme acabou tendo sua exibição proibida. Vale citar que, oficialmente, o Libano e Israel são países em guerra. Ambos possuem diversas leis e boicotes que proíbem o trânsito de produtos e pessoas entre as nações. Felizmente, a proibição do filme em alguns mercados do Oriente Médio não impediu que Mulher-Maravilha superasse as expectativas de público e venda.

 

 

3) Ilsa: She Wolf of the SS (1975)

Onde e quando foi banido / censurado: Noruega e Australia, em 1975.

Motivo: Esta produção canadense consiste no primeiro filme de uma série com a mesma protagonista: Ilsa. Trata-se de um clássico cult, extremamente violento e semi-pornográfico, baseado em Ilse Koch, esposa de um comandante em um dos campos de extermínio dos nazistas. No filme, Ilsa é uma espécie de dominatrix que, como punição, castra os prisioneiros que não conseguem satisfazê-la sexualmente. Além disso, a vilã realiza uma série de experimentos horrendos com as mulheres prisioneiras. Ilsa: She Wolf of the SS foi completamente rejeitado pelo Comitê Britânico de Classificação de Filmes, sendo banido em certos países por conta do seu conteúdo sexual e perturbador.

 

 

2) O Massacre da Serra Elétrica

Onde e quando foi banido / censurado: No Alemanha, Cingapura e Reino Unido, em 1974.

Motivo: Considerado uma obra-prima do terror, o filme original de 1974 foi a base para todos os spin-offs, sequências e remakes que viriam a seguir. O Massacre da Serra Elétrica é inclusive considerado por muitos como o “pai” de um sub-gênero desta categoria, conhecido como Slasher. Seu alto conteúdo de cenas violentas causou o banimento do longa em diversos países. Outras localidades chegaram a lançar uma versão censurada, retirando boa parte das cenas perturbadoras do original. Um dado curioso: o filme foi um dos primeiros do gênero a alegar que sua produção teria sido “baseada em fatos reais”. Obviamente, tudo não passava de uma estratégia de marketing…

 

 

1) Holocausto Canibal (1980)

Onde e quando foi banido / censurado: Cerca de 50 países, de 1980 a 2006.

Motivo: Se o nome do filme já não é motivo suficiente, é melhor você ir visitar um psiquiatra. O primeiro colocado do nosso Top 5 de hoje não é para os de estômago fraco! Dirigido por Ruggero Deodato, Holocausto Canibal pode ser classificado como uma das produções mais chocantes já da história do cinema. O filme não só é recheado de cenas gore como também apresenta forte conteúdo racista, inlcuido pitadas de tortura humana e animal. A própria estratégia de marketing adotada na época do lançamento causou enorme polêmica. Deodato pediu que os atores principais não aparecessem na mídia por um ano, após o lançamento do longa. O diretor chegou a ser preso, sob a suspeita de que as mortes vistas no filme seriam reais. No final das contas, embora ficasse provado que nenhum dos atores morreu nas gravações, o filme foi banido em diversos países por crueldade animal.

 

 

Enfim, depois de tanto filme polêmico o TBX Top 5 de hoje vai ficando por aqui! Se você souber de algum outro título controverso que tenha ficado de fora desta lista, não esqueça de deixar aqui embaixo nos comentários!

 

Ainda não conferiu a lista anterior? Basta clicar no link abaixo:

TBX Top 5 | 5 Games que foram banidos ou censurados

 

Até a próxima!

 

Comentários via Facebook

Tatuagens e jogos eletrônicos. Duas palavras definem perfeitamente este carioca que, por sinal, não faz a menor ideia de como escrever a própria bio. Um menino metodicamente organizado, prefere o aconchego do sofá e uma boa série a uma noitada com os amigos (mas não recusa o convite). O típico garoto gordinho e viciado em vídeo game que cresceu e se tornou um adulto nerd (ainda gordinho, por sinal).Voar, hospitais e quartos escuros são seus três grandes medos. Às vezes ele os enfrenta, às vezes não (se for um quarto escuro NO hospital, pode esquecer). Faz uso excessivo dos parênteses, pois adora expressar sua opinião sobre as coisas. Afinal, quem não?

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais lidas