Conectar-se com

Artigo

Três tecnologias de filmes que já são reais e possíveis

Publicado

Em

Três tecnologias de filmes que já são reais e possíveis

 

Os clássicos da Sessão da Tarde tomaram vida e hoje vivemos imersos a uma realidade que um dia acreditamos ser fantasiosa e distópica

 

Cara gente nerd… O futuro já chegou! Sinceramente me sinto espantado ao começar o texto com essa afirmação. Embora o Hover Board não seja uma realidade imediata (ainda), muita coisa dos filmes de ficção científica já fazem parte da nossa realidade.

Mas o que mais me espanta é que não percebemos a influência da tecnologia em nosso comportamento, como se fossemos tomados por um comodismo tão confortável do dia a dia que tudo se torna justificável, afinal está ali. Como se esquecêssemos que em 1995 (aos oitentistas) assistíamos a Sessão da Tarde e ficávamos vendo os filmes de ficção, imaginando o quanto as tecnologias apresentadas eram maravilhosamente impossíveis de serem alcançadas.

As barreiras entre cinema, tecnologia e humanos foram derrubadas sem que percebêssemos. Atualmente estamos inseridos em um universo que não é mais nosso. Talvez seja a correria do dia a dia, ou a “dormência” que a vida adulta nos causa, ou talvez seja porque hoje já criamos nossas crianças na frente de tablets e smartphones.

Mas a verdade é que as coisas já aconteceram, ou estão acontecendo, e aos poucos estamos sendo inseridos no universo que passamos a infância admirando ou temendo. Os universos distantes da “Sessão da Tarde” estão entrando em nossas casas naturalmente.

Por isso separamos aqui uma lista de tecnologias que um dia achávamos impossíveis de ver na vida real, mas já são uma realidade bem palpável e estão muito presentes em nossa vida.

 

Automóveis autônomos

Eles estão chegando, e com força. Grandes marcas de veículos como Volvo, Mercedes e Tesla já vêm estudando e desenvolvendo métodos que promovem a viabilidade de projetos relacionados a autonomia dos carros. Protótipos já estão circulando em grandes cidades no mundo (como Londres) e passam a substituir outros veículos de serviço público (ônibus e taxi).

Mas calma, não estamos falando de nada muito alarmante. Ainda há muita tecnologia a ser desenvolvida, como ajustes quanto a autonomia desses veículos ser ainda aprimorada. No entanto, o futuro é imediato.

As montadoras de carros passaram a primar pela qualidade de seus produtos e visar o futuro. A Renault promete até 2023 lançar no mercado um veículo elétrico, recarregável em casa (imagina a conta de luz), totalmente autônomo. Ou seja, você que vibrou assistindo o Tom Cruise saltando sobre carros futuristas independentes em Minority Report nos anos 2000, poderá presenciar essa tecnologia daqui algum tempo.

 

Filmes que se destacam por ter veículos autônomos: Minority Report, AI Inteligência Artificial, Pantera Negra e De Volta Para o Futuro.

 

Robôs autônomos

O fim da humanidade será definido pela própria humanidade, e me arrisco a dizer que isso acontecerá em uma noite quando seremos metralhados em nossas residências por robôs autônomos dos quais já deixamos disponíveis com nossos perfis, com senhas e dados disponíveis.

Assim, caso alguém consiga fugir, nossos “exterminadores” saberão onde estamos escondidos, já que postaremos isso no Twitter (fugindo de um T-300, #chateado).

O comodismo de ser auxiliado pelas tecnologias nos aproxima de um universo onde robôs servem e servirão para nos acolher. Atualmente essas tecnologias vêm sendo desenvolvidas para o aprimoramento de drones para fins militares, lazer e entrega (Amazon manda lembranças). Campeonatos instigam desenvolvedores a cada vez mais buscarem tecnologias nesse sentido.

A própria Disney já vem desenvolvendo robôs acrobatas para futuros espetáculos (seria isso um princípio de Westworld?).

 

 

Mas esse futuro de todos talvez seja o que o homem não descansará até alcançar, já que o desejo da criatura se tornar um criador é um dos principais impulsionadores da nossa existência, e mesmo que a indústria do entretenimento tente nos alertar da M*[email protected]% que estamos fazendo, ainda iremos fazer.

 

Filmes que se destacam por ter robôs autônomos: Eu Robô, Exterminador do Futuro, Westworld, Vingadores: A Era de Ultron, Ex Machina, Charppie e Her.

 

Realidade Virtual

Essa tecnologia é a “menina dos olhos” dos gamers. Poder usufruir da experiência de entrar em um universo e sair intacto é o que todos esperam. Os óculos de realidade aumentada vêm a cada dia chegando mais perto de um resultado surrealista. Já é possível você ter o seu em casa, além do que esse tipo de dispositivo é um dos preferidos de crianças em feiras e shoppings.

É perceptível que daqui alguns anos todos tenham seus óculos de realidade virtual ao lado de seus consoles, controles e monitores, que serão apenas artigos empoeirados nas estantes dos mais saudosistas que baterão no peito com orgulho dizendo “eu sou da época que soprava fita para funcionar”.

O problema está em medir até quando o virtual é realmente uma realidade (Westworld fazendo escola).

 

Filmes e séries que se destacam por ter realidade virtual: Jogador Nº 1, Tron, Black Mirror, Saint Jupiter e Assasin’s Creed.

 

A verdade é que o futuro chegou. Se para nossos avós a invenção da eletricidade foi algo “mágico”, e para nossos pais a TV foi a grande novidade, para nós o mundo vêm se desenvolvendo e evoluindo em um ritmo cada vez mais frenético.

Diariamente somos bombardeados por novidades tecnológicas que demonstram cada vez mais a capacidade do homem de se aprimorar.

A medida que o tempo passa nos aproximamos do futuro que um dia víamos como distante e atravessamos a fronteira do imaginável. Se tecnologias que antes os cinemas retratavam como vindas de um futuro distante hoje são acessíveis, quais tecnologias veremos no futuro em que não conseguimos imaginar?

Talvez estejamos vivendo o momento em que “isso é tão Black Mirror” passe em poucos anos de ser uma frase sobre estranheza a tecnologia para ser uma indicação de algo vintage.

 

Por isso fica aqui a pergunta: o que você imagina do seu futuro? Deixe seu comentário e compartilhe essa ideia.

 

Comentários via Facebook

Um apaixonado por livros, Lannister de nascença, sonserino por seleção. Um desbravador sob Terras Nerds. Que adora experiências e ideias, procurando sempre mais. Viciado em séries e filmes. Que vive por escrever e escreve porque/o que vive. Dono do blog @caragentenerd no Instagram.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais lidas