Conectar-se com

Filmes

Review TBX | Todo Dia: Um filme sobre a continuidade do amor

Publicado

Em

“Quando o primeiro amor termina, a maioria das pessoas sabe que outros virão. Elas não acabaram para o amor. O amor não acabou para elas. Nunca será igual ao primeiro, mas será melhor, de diferentes modos.”

 

Baseado no livro homônimo de David Levithan, Todo Dia é um filme dirigido por Michael Sucsy lançado no final de julho no Brasil.

 

 

O filme conta a história de Rhiannon, uma garota de 16 anos que se apaixona por uma alma misteriosa chamada ‘A’, que habita a cada dia um corpo diferente. O título se inicia, com ‘A’ habitando o corpo de Justin, namorado inconsequente de Rhiannon. Lá, ele se apaixona por ela, e passa a habitar corpos de pessoas de sua idade e das redondezas só para estar perto dela. Logo, ele revela o fato para Rhiannon, que fica confusa no primeiro momento, mas se entrega a viver esse amor. A partir de então, Rhiannon fica com pessoas diferentes, encontrando em todos eles o mesmo amor.

 

 

 

 

É aí que o bobo romance adolescente se diferencia dos outros, o tornando singular. Todo Dia é uma metáfora sobre a continuidade do amor. Sobre encontrar amor em diversas formas e em diferentes pessoas: o amor próprio, o amor de um amigo, o amor de Eros em um primeiro, em um segundo, em um terceiro amor. ‘A’ ao habitar o corpo de diversas pessoas, em dado momento, inclusive o de Rhiannon, nos mostra que apesar de diferentes, todos no final, buscamos a mesma coisa nas diferentes formas.

 

“Todos nós queremos que tudo fique bem. Nem mesmo desejamos que as coisas sejam fantásticas, maravilhosas ou extraordinárias. Satisfeitos, aceitamos o bem, porque, na maior parte do tempo, bem é o suficiente.”

 

Todo Dia é um filme que fala sobre o amor e todas as coisas que envolvem lidar com ele: esperanças, medos e frustrações.

 

“Já presenciei essa situação muitas vezes. A devoção gratuita. Preferir o medo de estar com a pessoa errada por não ser capaz de lidar com o medo de ficar sozinho.”

 

O jovem elenco dá conta do recado, tornando o filme leve assim como sua paleta, azulada e solar. Angourie Rice, que faz as vezes da protagonista, entrega uma adolescente cativante, que estranhamente nos coloca a imaginar Chloë Grace Moretz no mesmo papel. Justice Smith, Owen Teague e Jeni Ross, não ficam atrás.

 

 

O elenco adulto nos traz Maria Bello como a mãe de Rhiannon e o ator Michael Cram como seu pai.

Os rostos não tão conhecidos, nos mostra que existe uma gama de atores tão talentosos quanto nossos seleto grupo de rostinhos cativos. E isso é muito bom!

 

 

Best-seller reconhecido pelo New York Times, Todo Dia resulta em um filme que não trata-se do fim de um amor, mas da continuidade dele.

 

Filme: Todo Dia
9.4 TRECOBOX
HISTÓRIA9
ELENCO9
DESENVOLVIMENTO9
PRODUÇÃO10
ORIGINALIDADE10

 

 

Comentários via Facebook

Radialista formado se especializando em direção de arte. Sagitariano, sonhador levando a vida buscando paz, amor e um lugar ao Sol. Cinéfilo, aspirante a roteirista. Aquele otaku paulistano que vê animes nas horas vagas, lê mangás no transporte público e faz cosplays pra tirar uma onda. Geek por consequência. Sucesso é uma jornada, não um destino, tenha fé na sua capacidade, esse é meu lema.

Mais lidas

Copyright © Trecobox 2019 desenvolvido por: VISUALS