Conectar-se com

Games

Não deixe o Neymar tombar no game Neyboy Challenge!

Publicado

Em

Não deixe o Neymar tombar no game Neyboy Challenge!

 

Objetivo do game é tentar manter o craque de pé no campo

 

Desenvolvido pelo estúdio Push Start, o jogo de browser chamado Neyboy Challenge está desafiando muita gente. O objetivo do game é bem simples: tentar manter o menino Ney em pé. Pode até parecer fácil, mas o nosso queridíssimo “cai-cai” da seleção fará de tudo para sair da tela rolando e aos berros.

A cada 10 segundos que o jogador consegue equilibrar Neymar, outro personagem aparece na tela para desviar sua atenção. As aparições variam de personalidades do futebol à figuras aleatórias, como o presidente Vladimir Putin. Conforme o craque se aproxima do chão, podemos observar que sua expressão facial muda para uma cara de choro. Caso caia, ele sairá rolando da tela e a contagem será reiniciada.

 

Não deixe o Neymar tombar no game Neyboy Challenge!

“Ai, ai! Não acredito que só consegui fazer 8 pontos no jogo!”

 

Quem assistiu os jogos da Copa do Mundo pôde perceber as diversas tentativas do jogador de valorizar as faltas recebidas. Suas “encenações” acabaram viralizando por toda internet, e a desenvolvedora aproveitou o ocorrido para lançar o game.

Em tempo, você pode conferir o game Neyboy Challenge – e tentar manter nosso craque da seleção de pé – clicando NESTE LINK.

Agora diz ai, por quanto tempo conseguiu manter o Neymar de pé? Não esqueça de deixar aqui nos comentários e compartilhar o post!

Nos vemos na próxima!

Comentários via Facebook

Tatuagens e jogos eletrônicos. Duas palavras definem perfeitamente este carioca que, por sinal, não faz a menor ideia de como escrever a própria bio. Um menino metodicamente organizado, prefere o aconchego do sofá e uma boa série a uma noitada com os amigos (mas não recusa o convite). O típico garoto gordinho e viciado em vídeo game que cresceu e se tornou um adulto nerd (ainda gordinho, por sinal).Voar, hospitais e quartos escuros são seus três grandes medos. Às vezes ele os enfrenta, às vezes não (se for um quarto escuro NO hospital, pode esquecer). Faz uso excessivo dos parênteses, pois adora expressar sua opinião sobre as coisas. Afinal, quem não?

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais lidas