Conectar-se com

Artigo

Deadpool 2 | Um Filme que você talvez não assistiu direito

Publicado

Em

Deadpool 2 | Um Filme que você talvez não assistiu direito

A sequência de Deadpool foi considerada menos original que o primeiro. Será?

 

Quando o primeiro Deadpool foi lançado, fez um sucesso estrondoso por conta do seu jeito zueiro e sem limites para cenas de violência. Foi um banho de originalidade do início ao fim. Além disso, foi também uma aventura com diversas camadas. Observando com mais atenção, o anti-herói não pretendia salvar o mundo e sim caçar o responsável que forçou sua mutação genética de regeneração e como efeito colateral o deixou mais feio do que briga de foice (pegou a referência?) fugindo da mulher que amava temendo que ela o rejeitasse. Quem nunca passou por isso?

 

Deadpool 2 | Um Filme que você talvez não assistiu direito

 

Aviso que a partir desse ponto o que não vai faltar é spoiler! Se você ainda não assistiu já sabe!

 

Bom, logo depois daquela cena de abertura no estilo 007, Wade perde sua mulher. Pode observar em quase todas as histórias de super-heróis isso nunca aconteceu já no primeiro ato. Talvez o evento mais próximo disso tenha sido a morte da Rachel em Batman: O Cavaleiro das Trevas, porém foi no ápice do segundo longa da franquia. Em quase todas as histórias baseadas em quadrinhos, o herói protege a amada de todas as formas. Em Deadpool 2, o filme é marcado por essa perda logo no início, aliás o sentimento de perda atua como uma grande engrenagem invisível por toda a história. Raramente vemos os personagens em seu momento de luto, onde eles estão completamente perdidos.

Após sua tentativa de suicídio, o protagonista é levado por Colossus pra mansão dos X-Men. Lá meio que ele encontra uma forma de tentar superar o luto ao aceitar ajudar o time do professor Xavier em uma missão: Conter um mutante psicologicamente instável.  Esse mutante de nome Russell Collins, aka Firefist, é uma criança que vive em um orfanato onde fica claro que seu comportamento agressivo vem dos abusos psicológicos sofridos naquele lugar. Tanto Deadpool, aka Wilson, quanto Firefist acabam sendo presos e levados a uma prisão para mutantes com colares que inibem seus poderes.

 

Deadpool 2 | Um Filme que você talvez não assistiu direito

 

Com esse colar inibindo seus poderes regenerativos, o anti-herói, sentindo os efeitos de um câncer terminal avançar com violência, consegue o que queria, um jeito de morrer! Por essa razão, ignorou completamente as tentativas de Russell de ter algum amigo. Perceba essa a mensagem passada nesse ato: tudo o que Russell queria era ter alguém com quem pudesse criar vínculos. E tudo o que Wilson queria era morrer e se reencontrar de alguma forma com a sua namorada no outro plano. Essa incapacidade de notar aquela criança ali precisando de ajuda por conta do seu luto iria gerar consequências. Afinal, por se sentir rejeitado, o menor se fechou de vez e usou toda a raiva de todos os abusos sofridos como pilar para se fortalecer. Honestamente, essa construção de cena foi de uma maturidade tão grande que extrapola os limites da tela e te faz refletir sobre várias outras questões… mas relaxa! Isso aqui é resenha de cinema e não psicanálise.

Nesse ponto da história finalmente surge o “vilão” Cable, que aparece no trailer. E ao contrário do que pudesse se esperar, seu alvo não é o Deadpool e sim o garoto. Apenas isso! Cable veio do futuro apenas para matar o Russell. E por que a palavra vilão está entre aspas? Simples! O filme não chega a ter vilão propriamente dito. Há aqui um jogo de causa e efeito. Russell ao usar sua raiva como pilar de sustentação viria a cometer o assassinato de seu agressor, se tornando assim um dos mutantes mais perigosos, resultando também no assassinato da família do Cable.

 

Deadpool 2 | Um Filme que você talvez não assistiu direito

 

Deadpool, ao se lembrar do comportamento do menino que queria ter um amigo e foi ignorado por ele, pede uma chance pra tentar mostrar ao proto-vilão que alguém se importa com ele e assim tentar resgatar algo de bom. Posso dizer? Outra grande mensagem, Cable mesmo tão motivado em eliminar Firefist e mudar sua linha de tempo. Então dá essa oportunidade a Wade Wilson para provar que está certo antes do futuro assassino de sua família cometer o crime e desencadear a sequência de eventos que ele tentou evitar. E por acreditar tanto que há bondade em Russell, Deadpool acaba por se sacrificar por alguém que não tem nenhum tipo de ligação direta.

 

Deadpool 2 | Um Filme que você talvez não assistiu direito

 

Depois de passar por esses pontos todos, ainda fazendo várias piadas, cenas de lutas e ver o Colossus brigando com o Fanático (Juggernaut), diga: foi ou não foi um baita roteiro original?

 

Comentários via Facebook

Um geólogo nascido no Rio. Apaixonado por filmes, séries, videogame. Produtor de stories no Instagram. curioso pra caramba. Não sei muito bem o que tô fazendo aqui, me convidaram porque devo ser legal, nunca saberei.

Um comentario

Um comentario

  1. Pingback Deadpool 2 | Um Filme que você talvez não assistiu direito - Universo Viral

Deixe uma resposta

Mais lidas