Conectar-se com

Artigo

TBX Top 5 | Os 5 filmes definitivos de Julia Roberts

Publicado

Em

Os 5 filmes definitivos de Julia Roberts

 

Saiba quais filmes de Julia Roberts captam a essência da atriz

 

Alguns atores são eternizados além de seu talento pelos filmes que fazem. Foi o caso de Audrey Hepburn com Bonequinha de Luxo e Elizabeth Taylor com sua aclamada Cleópatra. Com Julia Roberts não é diferente. Aos 50 anos, a atriz carrega ao longo de sua carreira filmes que a deixaram eternizada na pele de vários personagens, sendo possível ver suas potências e seus limites no meio da atuação. Por isso, conheça agora os cinco filmes definitivos de Julia Roberts.

 

Os 5 filmes definitivos de Julia Roberts

 

Uma Linda Mulher

 

Os 5 filmes definitivos de Julia Roberts

 

Se tem um filme que lançou Julia Roberts ao estrelato, esse filme foi Uma Linda Mulher (1990), por isso não poderia ficar fora da lista.

O papel é desafiador pelo fato da atriz interpretar uma prostituta, ao passo que precisa conquistar o público com um avesso conto de fadas ao lado do também reconhecido Richard Gere.

O filme conta a história de Vivian, uma prostituta que conhece um cliente milionário na Hollywood Boulevard por motivos diferentes do habitual. Passa a acompanhá-lo a eventos sociais e acaba se apaixonando por ele.

O filme dirigido por Garry Marshall, rendeu a atriz uma indicação ao Oscar de melhor atriz e um Globo de Ouro, no qual venceu na categoria de Melhor Atriz de Comédia ou Musical.

 

O Casamento do Meu Melhor Amigo

 

Os 5 filmes definitivos de Julia Roberts

 

Em 1997, Julia Roberts protagonizou O Casamento do Meu Melhor Amigo, uma comédia romântica dirigido por P. J. Hogan.

No filme, Julia Roberts é Julianne, uma mulher que combina com seu melhor amigo Michael de se casarem, caso os dois chegassem aos 28 anos solteiros. O tempo passa e Julianne recebe um telefonema convidando-a para o casamento de seu melhor amigo. O fato a faz perceber que ele era o amor de sua vida e que fora sempre apaixonada por ele. Decidida a atrapalhar o romance, ela aceita o convite, porém no papel de madrinha dos noivos.

O papel é desafiador porque ao passo que Roberts é a protagonista, ela também tem que saber dividir e deixar o posto durante o filme para a atriz Cameron Diaz brilhar, que faz o papel de Kimberly, a noiva. Personagem tão importante quanto no filme.

O título rendeu a atriz uma indicação ao Globo de Ouro, do qual não venceu desta vez.

 

Um Lugar Chamado Notting Hill

 

Os 5 filmes definitivos de Julia Roberts

 

Um Lugar Chamado Notting Hill foi um filme de 1999, protagonizado por Julia Roberts e Hugh Grant. Dirigido por Richard Curtis, a comédia romântica toma uma atmosfera mais madura e artística.

No filme, Roberts é Anna Scott, uma atriz de cinema no auge de sua carreira, rodeada de paparazzis e fãs que se vê apaixonada por Will, um humilde dono de uma livraria que vive em total anonimato.

O filme mostra uma faceta de Julia Roberts quase que metalinguística, uma vez que é uma premiada atriz em seu auge, interpretando uma também premiada e assediada atriz. Por esse motivo, Um Lugar Chamado Notting Hill não poderia ficar fora dessa lista.

O título rendeu a atriz mais uma indicação ao Globo de Ouro, obteve uma recepção crítica favorável com 66% de aprovação no metacritic, além de contar com uma das elipses mais bonitas do cinema. A cena em que a passagem de tempo é dada pela caminhada de Hugh Grant através das estações do ano.

 

Erin Brockovich

 

Os 5 filmes definitivos de Julia Roberts

 

O filme que rendeu o primeiro Oscar a Julia Roberts. Rodado em 2000, o filme é essencial para quem deseja conhecer a carreira da atriz. Dirigido por Steven Soderbergh, o filme mostra que o talento de Julia está muito além das comédias românticas com este biográfico drama social.

Em Erin Brockovich, Julia Roberts interpreta a personagem título. Baseado em fatos reais, o filme retrata a saga de uma mãe solteira, que após um acidente de trânsito, processa o médico responsável pelo sinistro. Ao perder o caso, se vê desempregada, conseguindo uma chance em um escritório através de seu advogado. Lá, ela descobre que uma empresa de gás e eletricidade oferece tratamento médico aos moradores da cidade para ocultar o fato de que são eles mesmos os responsáveis pelo número de enfermos. A empresa polui as águas com cromo hexavalente, altamente cancerígeno. Agora, ela lutará novamente na justiça por uma causa muito maior da qual estava acostumada.

Além Oscar para Julia Roberts, o filme alcança uma média favorável no Rotten Tomatoes com 84% de aprovação.

 

O Sorriso de Monalisa

 

Os 5 filmes definitivos de Julia Roberts

 

Em O Sorriso de Monalisa, Julia Roberts interpretou outro papel icônico de sua carreira. Rodado em 2003 e dirigido por Mike Newell, o filme entra na lista pelo teor de feminismo que a atriz conseguiu elencar, compondo uma reflexiva mensagem no título.

O filme segue a professora Katherine Watson, que começa a lecionar numa tradicionalista escola da década de 50 e passa a se envolver mais do que esperava na vida das alunas, tornando-se transgressora áquelas que esperam para si serem educadas apenas para serem boas esposas e mães. O grau de importância do filme o tornou comparável ao aclamado Sociedade dos Poetas Mortos, com Robin Williams, sendo considerado a versão feminista do título.

 

O trabalho de Julia Roberts é venerável e denso. Com muito mais títulos de sucesso, é elementar que vários outros filmes poderiam entrar nessa lista. No entanto, nestes é possível captar um pouco da essência da artista e entender por que de fato ela é tão reconhecida.

E para você? Qual filme colocaria nessa lista? Deixe sua opinião nos comentários.

Até a próxima!

 

 

Comentários via Facebook

Radialista formado se especializando em direção de arte. Sagitariano, sonhador levando a vida buscando paz, amor e um lugar ao Sol. Cinéfilo, aspirante a roteirista. Aquele otaku paulistano que vê animes nas horas vagas, lê mangás no transporte público e faz cosplays pra tirar uma onda. Geek por consequência. Sucesso é uma jornada, não um destino, tenha fé na sua capacidade, esse é meu lema.

Podcast


Propaganda
Propaganda

Review TBX

Propaganda

Mais lidas