Conectar-se com

Filmes

Review TBX | Voldemort: Origins of the Heir – Quando potterheads fazem um ótimo trabalho

Publicado

Em

Review TBX | Voldemort: Origins of the Heir - Quando potterheads fazem um ótimo trabalho

 

Conferimos Voldemort: Origins of the Heir, veja a crítica

 

Criado inteiramente por fãs, Voldemort: Origins of the Heir torna-se um exemplar spin-off não oficial de Harry Potter, aclamada série de livros de J.K Rowling.

O filme pretende contar a origem do temido bruxo Lord Voldemort, vilão icônico de Harry Potter.

 

Review TBX | Voldemort: Origins of the Heir - Quando potterheads fazem um ótimo trabalho

 

Dirigido por Gianmaria Pezzato, o filme tem quase em todo seu elenco atores italianos, apesar do filme ser rodado em países como o Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte.

No filme o jovem Tom Riddle desaparece logo após a formatura em Hogwarts. 10 anos depois ele retorna em busca das Horcrux, receptáculos que guardam fragmentos de sua alma para que ele possa alcançar a imortalidade. No entanto, dois amigos de longa data se unem para detê-lo nessa empreitada. A história se passa em dois tempos: o presente, onde é contado o enredo do filme, com a personagem Grisha Mac Laggen (Maddalena Orcali), herdeira de Gódrico Grifinória sendo interrogada, e o passado, onde vemos as rememorações da aluna nos tempos de escola.

 

Review TBX | Voldemort: Origins of the Heir - Quando potterheads fazem um ótimo trabalho

 

A equipe usa de maneira inteligente as suas qualidades, e resolvem com esperteza os desafios encontrados na filmagem. É possível admirar a qualidade dos efeitos especiais, mas é impossível deixar de notar a maioria dos cenários fechados e pequenos e takes bastante aproximados, de modo a mostrar “uma parte” para representar “o todo”. O diálogo é outra carta na manga que é bem utilizada para dar ares de profissionalismo ao filme de orçamento reduzido e sem cunho lucrativo.

 

Review TBX | Voldemort: Origins of the Heir - Quando potterheads fazem um ótimo trabalho

 

O filme finda na casa do 52 minutos, o que é considerado quase um curta-metragem comparado aos oficiais títulos de Harry Potter. No entanto, é o bastante para se consagrar como um título que faz bonito frente aos fãs de Harry Potter apesar da clara inferioridade as milionárias bilheterias que a franquia outrora alcançou.

 

Review TBX | Voldemort: Origins of the Heir - Quando potterheads fazem um ótimo trabalho

 

O momento “vergonha alheia” esperado por olhos mais críticos poderá felizmente se frustrar, o elenco apesar de jovem e não tão popular, vem preparado e entrega uma atuação agradável, que compõe a história de maneira íntegra e bem feita.

 

Review TBX | Voldemort: Origins of the Heir - Quando potterheads fazem um ótimo trabalho

 

Superando expectativas, o filme ainda conta com plot twist como elemento surpresa e ainda um final que casa claramente como o desenrolar da história oficial.

A ficha técnica conta ainda com os atores Andrea Deanesi como Wiglaf Sigurdsson, Davide Ellena como Voldemort e Stefano Rossi como o jovem Tom Riddle.

Vale a pena assistir. Voldemort: Origins of the Heir é a prova que potterheads também fazem bons filmes.

 

Filme - Voldemort: Origins of the Heir
9.2 TRECOBOX
HISTÓRIA9
ELENCO9
DESENVOLVIMENTO9
PRODUÇÃO10
ORIGINALIDADE9

Radialista formado se especializando em direção de arte. Sagitariano, sonhador levando a vida buscando paz, amor e um lugar ao Sol. Cinéfilo, aspirante a roteirista. Aquele otaku paulistano que vê animes nas horas vagas, lê mangás no transporte público e faz cosplays pra tirar uma onda. Geek por consequência. Sucesso é uma jornada, não um destino, tenha fé na sua capacidade, esse é meu lema.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais lidas